domingo, dezembro 21


«Quebrei os meus compromissos por causa do amigo;
seria capaz de quebrar a amizade por causa do amor.»


(Hölderlin)

Etiquetas: ,

9 Comentários:

Às 21 dezembro, 2008 10:56 , Blogger Marta disse...

E depois, quando o amor acabar???
A amizade poderá já não existir...Ou continuará se verdadeira....
Boas Festas....
Beijos e abraços
Marta

 
Às 21 dezembro, 2008 11:05 , Blogger vbm disse...

Oi Marta,

Tu desculpa-me, e vocês desculpem-me, deste modo polémico de citar sem explicar, mas é só a emoção que a frase me suscita pelo arrebatamento do impulso que exprime.

Claro que o fundo da eventual situação seria sempre sério e dramático, mesmo até nos casos contrários de não quebra de compromisso pelo amigo, ou da amizade pelo amor...

Pensamentos arrebatados, é só :)

Bom Natal, Marta.
Vasco

 
Às 21 dezembro, 2008 11:26 , Blogger antonio - o implume disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
Às 21 dezembro, 2008 11:26 , Blogger antonio - o implume disse...

O amor não nos deve cobrar tanto...

(O comentário eliminado era meu, sorry)

 
Às 21 dezembro, 2008 21:38 , Blogger joshua disse...

O amor e a amizade são imponderáveis, isto é, não têm peso.

 
Às 21 dezembro, 2008 22:48 , Blogger Papoila disse...

Poderosa citação da força dos afectos.
Venho desejar a toda a equeipa do Conversas um Natal de 2008 com muita saúde e alegria.
Beijos

 
Às 22 dezembro, 2008 01:39 , Anonymous zedeportugal disse...

Caríssimos(as),

Venho pedir-vos que, na medida da vossa vontade e da vossa disponibilidade, suportem e ampliem esta causa de vida e de justiça.
http://umjardimnodeserto.nireblog.com/post/2008/12/18/nao-ha-causa-maior-que-a-da-vida
Não mais é possível a passividade face ao verdadeiro genocídio moderno que é o aborto.
São precisas 4000 assinaturas até ao fim do ano nesta petição.
http://www.gopetition.com/petitions/revisaoleiaborto/signatures.html
Bem-hajam.

José de Portugal

 
Às 22 dezembro, 2008 11:17 , Blogger vbm disse...

Numa época em que os homo's se casam e os hetero's se divorciam é refrescante enaltecer a opção desassombrada do poeta Hölderlin.

Bom Natal, Papoila
Vasco

 
Às 22 dezembro, 2008 12:13 , Blogger Peter disse...

Papoila

Como membro da equipa venho agradecer e desejar-te um bom e feliz Natal na companhia de todos os que te são queridos.

P.S. - Mandei postais de BF a todas/os mas pelos vistos ninguém recebeu. Aldrabões: postaisnet@fixehome.com

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial