domingo, agosto 30

O grande industrial, Comendador Abílio de Oliveira,
homem que subiu a pulso e fundou a poderosa
fábrica têxtil "A Flor do Campo",
dirigiu-se ao pessoal numa
festa de aniversário
da empresa, com
estas palavras
de brio:

«... porque, - ficai sabendo -,
eu fui como vocês sendes e
sou como vocês vendes!
»

:)

Etiquetas: ,

5 Comentários:

Às 30 agosto, 2009 10:35 , Blogger Meg disse...

Peter,

Outra vez!?!????

Mas hoje não é Domingo?

Ah... não é anedota!!!!

Palavras para quê... é um retrato triste de uma grande parte do empresariado nacional... pois!

Um abraço

 
Às 30 agosto, 2009 10:38 , Blogger Meg disse...

Vasco,

Afinal és tu... e eu a dirigir-me ao Peter! Sorry!
Efeitos secundários do mês de Agosto por cá... ao Sul.

Um abraço para ti também.

 
Às 30 agosto, 2009 12:35 , Blogger vbm disse...

lol

Eu peço desculpa desta 'usurpação' das vésperas das 'segundas-feiras', é só temporária, por causa de um pequeno naipe cómico que quero editado na net :)

De qualquer modo, este senhor da indústria foi, como outros, pessoa empreendedora que deu emprego a muita gente do campo, das margens do rio Ave.

Foi a industrialização dos anos trinta e quarenta na região do Minho e Entre-Douro-e-Minho e muitas famílias, para lá das dos proprietários, beneficiaram economica e socialmente ao longo de quatro gerações.

E, ou voltamos a dedicar-nos a trabalhar ou vamos mesmo ao fundo, sem tábua de salvação para boiar.

Abraço, Meg.
Vasco

 
Às 31 agosto, 2009 16:13 , Blogger Meg disse...

Peter,

Esta coisa que está aí em cima é que está a bloquear o acesso aos comentários...responderam.me agora.
Porque não o mandas directamente para "o espaço", ou mais propriamente para o lixo?

Antes que alguém clique naquilo!!!

Abraço

 
Às 31 agosto, 2009 17:55 , Blogger Peter disse...

Meg

Já mandei o chinês para a p... que o pariu.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial