sexta-feira, dezembro 29

Novas luzes





















Revejo-me nos novos espaços que te abro.
Portas escancaradas à espera da tua voz.
Espero-te...

Beberemos juntos
o néctar que guardei para festejar
o começo de uma nova vida.

Agora, apenas resta que chegues
e a noite será iluminada
pelo desejo
pelos beijos
pelo amor.

Partamos, pois, ao encontro
de um novo presente.

Abandono-me...
E o desejo é o nosso futuro.

(Foto: Victor Melo)

6 Comentários:

Às 30 dezembro, 2006 08:39 , Blogger Paula Raposo disse...

E gostei muito deste poema!! Beijos.

 
Às 30 dezembro, 2006 10:34 , Blogger Aluena disse...

BOM ANO NOVO.
http://bica.blogs.sapo.pt
Bjs.

 
Às 30 dezembro, 2006 10:52 , Anonymous Anónimo disse...

Que belo poema!
Bom Ano Novo!
Beijo

 
Às 30 dezembro, 2006 16:26 , Blogger MARTA disse...

Como sempre, chorei!!!
Lindo, Ant - rico em sentimentos e palavras!!!
Resta-me apenas desejar um Feliz 2007.
Da Invicta, com carinho, beijos
Marta

 
Às 30 dezembro, 2006 17:01 , Blogger Joaninha disse...

"... ... ...
Agora, apenas resta que chegues
e a noite será iluminada
pelo desejo
pelos beijos
pelo amor..."
...são versos meus,
são a voz deste silêncio
e quase pedia a um deus
para te fazer chegar...
e com teus beijos, em silêncio,
me fizesses acreditar...
que estes sonhos também são teus

é lindo este poema para findar o ano. Gostei e não resisti, tive de acrescentar o que senti.
Desejo TUDO MUITO BOM para 2007. Um abraço da isabel

 
Às 31 dezembro, 2006 11:10 , Blogger Ant disse...

Isabel, que bela maneira de gostares.
Obrigado a todos.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial