quinta-feira, fevereiro 2

Fisco Doce

Parece que hoje houve uma greve dos transportes. Houve? Não dei por ela. Má estreia para o novo patrão da Inter e como já vieram com as mentiradas do costume e as adesões de 100%, tão caras ao PCP, não vou aqui perder tempo a fazer-lhe propaganda.
Vou referir é a pena de 250€ com que foi condenado um perigoso indivíduo, sem eira nem beira, que se atreveu a roubar (sim porque se se tratasse de milhões, ou milhares de milhões, não seria roubo) um champô (que luxo!) e uma embalagem de polvo congelado, tudo no valor de 25,66€ num dos hipermercados dessa cadeia agora sediada na Holanda, onde o Fisco é mais doce.
Claro que o juiz tem de aplicar a lei. Tem? Agora não posso aceitar a insistência do hiper em apresentar queixa para dar um exemplo a todos que ousem levar sem pagar uma porcaria qualquer. Resumindo e concluindo:
- O Estado (ou melhor eu, contribuinte que pago os meus impostos) gastou 280€ com o advogado oficioso, milhares de Euros em combustível de carros-patrulha, dias de trabalho de funcionários judiciais e de magistrados, notificações, etc para punir um desgraçado que mais não é que o fruto da sociedade em que vivemos.
É por estas e por outras que o nosso País, está enterrado em dívidas até ao pescoço.

1 Comentários:

Às 12 fevereiro, 2012 12:55 , Blogger Kruzes Kanhoto disse...

Hoje um champoo, amanhã uma lata de atum, depois uma caixa de fósforos...e depois que dinheiro é que essa malta punha nos off-shores?!

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial