segunda-feira, maio 4

A melhor desculpa

O executivo saiu do escritório às 18:00, quando viu a sua secretária na paragem de autocarro. Estava caindo a maior chuvada. Ele parou e perguntou:
- Você quer boleia?
- Claro... Respondeu ela, entrando no carro.
Chegando ao edifício onde ela morava, ele parou o carro para que ela saísse e ela o convidou para entrar.
- Não quer tomar um cafezinho, um whisky, ou alguma coisa?
- Não, obrigado, tenho que ir para casa...

- Imagine, o Sr. Foi tão gentil comigo, suba um pouquinho.
Ele subiu, atendendo ao pedido da moça. Ao chegarem lá, enquanto ele tomava o seu drink, ela foi para o quarto enxugar-se e voltou, toda gostosa e perfumada. Deixou antever um belíssimo par de coxas debaixo do babydoll, escondendo uma escultural bunda, das mais desejadas. A lingerie fio dental que usava, inspirava que a noite poderia ser inimaginável!! Depois de alguns drinks, quem pode aguentar?

Ele caiu literalmente... fez amor com a secretária de todas as formas possíveis. Estava bom DEMAIS !!! Após intensa actividade acabaram adormecendo. Por volta das 6 da manhã, ele acordou e olhou no relógio. O maior susto... Pegou o telefone, discou o numero de sua casa e aos berros, disse a quem atendeu:

NÃO PAGUEM O RESGATE ! EU CONSEGUI FUGIR !

(recebido por e-mail)

8 Comentários:

Às 04 maio, 2009 12:31 , Blogger vbm disse...

Lol

 
Às 04 maio, 2009 13:00 , Blogger Peter disse...

vbm

O que tem de notável esta anedota é a imaginação do executivo, característica que não abunda por cá, onde só existem mordomias ofensivas para o nível de vida médio da população.

 
Às 04 maio, 2009 16:21 , Blogger Meg disse...

Peter,
Depois de uma semana (e fim de semana) de trabalho intenso, e ausência na net, nada melhor para começar esta tarde de visitas com uma boa e sonora gargalhada...

Humor fino, ahahahah!!!

Um abraço

 
Às 04 maio, 2009 16:22 , Blogger Papoila disse...

Peter:
ahahahah...
Beijo

 
Às 04 maio, 2009 16:29 , Blogger Peter disse...

Procuro, sempre que possível, começar a semana com uma boa gargalhada.

 
Às 04 maio, 2009 23:29 , Blogger SILÊNCIO CULPADO disse...

Peter

A alegria tem que ser cultivada e nada como uma boa história ou anedota para o conseguir.
Ri-me a valer com o desfecho.

Abraço

 
Às 06 maio, 2009 01:46 , Blogger alf disse...

O executivo era o Loureiro?

 
Às 06 maio, 2009 07:33 , Blogger tagarelas-miamendes disse...

Ola Peter,
Muito gira!Agradeco-lhe ter-me feito rir! Mas tal como comentou acima, este era dos inteligentes...

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial