terça-feira, setembro 9

A “dança” cósmica de galáxias distantes

Uma equipa internacional de astrónomos ao estudar várias dezenas de galáxias distantes, descobriu que a proporção de “matéria negra” e de estrelas nas galáxias, é a mesma que era há 6 mil milhões de anos. Caso esta descoberta seja confirmada, parece existir uma ligação mais forte do que se suspeitava entre a “matéria negra” e a matéria normal. A equipa descobriu também que 40% dessas galáxias não estão em "equilíbrio", isto é, os seus movimentos internos são muito irregulares, o que pode ser resultante de colisões e fusões entre elas, importantes na sua formação e evolução.


Uma imagem recém-divulgada por uma equipa do Observatório Gemini Norte, localizado em Mauna Kea, no Havaí, mostra em detalhes um objecto conhecido pelo código NGC 520. Localizado a uns 100 milhões de anos-luz daqui, esse astro na constelação de Peixes é o resultado de uma colisão de duas galáxias, que antes do encontro fatal possivelmente eram muito similares à Via Láctea.

Estes resultados lançam uma nova luz sobre como as galáxias se formaram e evoluíram desde a altura em que o Universo tinha apenas metade da sua idade actual e sobre a importância que a “matéria negra” tem sobre elas.
A “matéria negra”, que compõe (julga-se) cerca de 25% do Universo, é matéria não-bariónica, isto é, não constituída por átomos, e a sua designação é apenas uma expressão que utilizamos para descrever algo que não vemos e não compreendemos.
Ao observarmos a rotação das galáxias sabemos que a “matéria negra” tem de estar presente, senão estas estruturas gigantescas seriam “dissolvidas".

Nas galáxias mais próximas, e na Via Láctea, os astrónomos descobriram que existe uma relação entre a quantidade de “matéria negra” e as estrelas e que, de um modo simplista, podemos traduzir assim:

- por cada quilograma de material de uma estrela, existe aproximadamente 30 quilogramas de matéria negra. O que, como vimos acima, é a mesma proporção que existiria há 6 mil milhões de anos.

Mas será que esta relação entre estes dois tipos de matéria era igual no passado anterior a esses 6.000 milhões de anos?

(adaptado do ASTRONOVAS – OAL)

Etiquetas:

7 Comentários:

Às 10 setembro, 2008 08:54 , Blogger vbm disse...

Sobre a "matéria negra" tenho uma perplexidade metafísica: - Como átomos contactam com não-átomos!?

Hoje entra em funcionamento o novo acelerador de partículas do CERN. Um estado do mundo em condições logarítmicas de milésimos de segundo após o momento 0 de interacção do sistema cuja evolução ulterior é a utilizada para explicar o nosso universo.

 
Às 10 setembro, 2008 10:42 , Blogger Peter disse...

Não és só tu...

"A “matéria negra”, que compõe (julga-se) cerca de 25% do Universo, é matéria não-bariónica, isto é, não constituída por átomos, e a sua designação é apenas uma expressão que utilizamos para descrever algo que não vemos e não compreendemos."

 
Às 10 setembro, 2008 18:51 , Blogger Papoila disse...

Querido Peter:
Mais um daqueles artigos que me fascinam... estrelas, poeira cósmica e matéria negra assim chamada por não sabermos dar-lhe seu nome.
Beijos

 
Às 10 setembro, 2008 22:56 , Blogger Heloisa B.P disse...

MUITOS PARABENS MEU BOM AMIGO********!!!!!
FELICIDADES!

ESTEJA A VIVER ESTE DIA JUNTO DE TODOS OS QUE LHE SAO QUERIOS E IMPORTANTES!
E... ESTEJA EM SAUDE!

ABRACO-O COM AMIZADE E... JAMAIS O ESQUECO (e' mesmo a saude que me mantem afastada!)!

Heloisa B.P.

 
Às 11 setembro, 2008 08:47 , Blogger Menina_marota disse...

Soube através do nossa Amiga Heloísa que fez anos. Deixo um grande abraço de parabéns, desejando muitas felicidades.

Bj

 
Às 11 setembro, 2008 10:27 , Blogger Peter disse...

menina_marota

É verdade, fiz ontem anos e já vão pesando, seria altura de os começar a desfazer...
Grato pela sua gentileza.

P.S. - Já tive oportunidade de adquirir o seu livro que irei desfrutar com prazer.
À nossa amiga Heloísa, agradeci-lhe para o blog, onde se excedeu em mimos e amabilidades.
Grato às duas.

 
Às 16 setembro, 2008 22:41 , Blogger Heloisa B.P disse...

AQUI ESTOU TAZENDO MAIS UM ABRACO AO AMIGO PETER****** E DEIXANDO OUTRO A QUERIDA OTILIA*******!!!
........
Ja' agora aproveito pra Lhe dizer CARO AMIGO, que as modestas palavras que deixei la' no meu pobre espaco de escrita, ficam muito aquem daquilo que de facto eu gostaria de dizer!
.........
Por ora, acrescento:_OXALA' ESCREVA AINDA POR LONGOS E LONGOS ANOS, AQUI*, NO SEU_NOSSO_ *CONVERSAS DE XAXA********, que, SAO DE *TUDO*, EXCEPTO "DE XAXA"!!!!!!
E... A SAUDE SEJA UMA COMPANHEIRA TAO PERSISTENTE, TAO PERSISTENTE, QUE NADA A FACA "DESACOMPANHA'-LO"!!!!!!

Heloisa

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial