sexta-feira, janeiro 4

Um dia

Um dia, ele disse que ia ali à esquina comprar cigarros e desapareceu.
Não é força de expressão ou sentido figurado.
Ele disse exactamente isto: "Vou ali à esquina comprar cigarros "... e
ficou dez anos desaparecido.
Inesperadamente regressou....
Bateu à porta . A mulher foi abrir e lá estava ele.
Dez anos mais velho, mas ele.
Quieto. Sem dizer uma palavra.
A mulher despejou toda a revolta contida durante o decénio:
"Seu isto! Seu aquilo! Então dizes-me que vais comprar cigarros e
desapareces? Abandonas-me, abandonas as crianças, ficas dez anos sem
dar notícias e ainda tens o desplante, a falta de vergonha, a
coragem de reaparecer assim, sem mais nem menos ? Vais pagar-me.
Fica sabendo que vais ouvir poucas e boas. Essa eu nunca te perdoarei. Estás a ouvir?
Nunca! Entra, mas prepara-te para..."

Nisto, o homem dá uma palmada na testa, e diz :
"Fod*-se !......... esqueci-me dos fósforos....."

(recebido por E-mail)

18 Comentários:

Às 04 janeiro, 2008 20:27 , Blogger Meg disse...

Ahahahahah!!!!!....Ahahahahahah!!!!!!.......Ahahahahahah!!!!..

Nas minhas horas mais recalcitrantes, já sei onde espairecer com gosto, porque estas gargalhadas são a sério...!!!

E se estava a precisar!

Um abraço e obrigada pelo bom momento

 
Às 04 janeiro, 2008 21:35 , Blogger Vieira Calado disse...

Bem apanhado!

 
Às 04 janeiro, 2008 22:51 , Blogger herético disse...

antes isso que um "auto de fé" e deitar fogo à tenda!.

abraços

 
Às 05 janeiro, 2008 01:55 , Blogger Ashera disse...

Querido Peter
Já conhecia, e, por isso não gargalho como os meus antecessores rs
Bem,, vai sim ao clube dos pensadores, já te respondi no meu sitio blogger, estou pouco no Multiply actualmente, dado que, as exigências Portuguesas me a firmar pés na terra mãe,,não tanto pelos meus pés, mas pelos dos meus amigos que se chamam PORTUGAL
Em podendo envia-me o link do blog, pois gostaria de acompanhar os acontecimentos.
Vai lá e DIZ

Saibas que te estimo
Estejas bem sempre
Obrigada pelo carinho
Beijos

 
Às 05 janeiro, 2008 03:40 , Blogger Belzebu disse...

eheheh!! Faltava o lume e não o sermão! O pobre homem regressa a casa depois de uma busca incessante do seu tabaco de preferência e tem logo que levar com a matraca!

ehehh!! Aquele abraço infernal!

 
Às 05 janeiro, 2008 09:24 , Blogger quintarantino disse...

... mal por mal, preferiu o risco de desandar de novo...

 
Às 05 janeiro, 2008 10:47 , Blogger Blondewithaphd disse...

Lucky guy it wasn't with a Blonde! Or he wouldn't have the time to think about matches;) Lol!

 
Às 05 janeiro, 2008 10:56 , Blogger Tiago R Cardoso disse...

Fora de contexto, em referencia ao que estava escrito sobre o Clube de Pensadores, amigo Peter vá ao Notas Soltas e na coluna lateral, mais para o fim está lá as gravações da minha participação e do quintarantino no programa de rádio do clube e faça o seu julgamento.

Pessoalmente já fui a dois debates, por experiência pessoal, um gajo chega lá e olhos nos olhos com políticos e outros destacados membros da sociedade, tratado-os por tu faz-lhes as perguntas que queremos sem censuras e eles respondem...

 
Às 05 janeiro, 2008 14:01 , Blogger Antes Prefiro disse...

LOL! que lata... :P
ali o início da história faz lembrar um livro da marie darrieusseco, "o nascimento dos fantasmas"; só que o homem disse que ia comprar pão e a história não acaba com este tom cómico! ainda assim aproveito p'ra recomendar. ;)
gostei da música que por aqui se ouve, aliás, queria saber se me podia explicar como também pôr música no meu blog (acontece que também sou uma GRANDE fã de Miles Davis, e como musicaholic que sou, não me parece bem ter um blog silencioso!).
e pronto, fico-me por aqui mas volto, mais tarde, p'ra ler mais.
bom fim-de-semana!

 
Às 05 janeiro, 2008 14:21 , Blogger augustoM disse...

Infelizmente não fui fisicamente, mas tenho deambulado por entre livros com coisas de lá, os olhos estão cá, mas a imaginação esvoaça por entre Montanhas e veles.
Um bom ano 2008 para ti também, que nele realizes os teus desejos, mas sê comedido no pedido, no pouco é que vai o ganho do muito.
Um abraço. Augusto

 
Às 05 janeiro, 2008 17:40 , Blogger JOY disse...

O homem não tem culpa das tabacarias mais próximas estarem fechadas. (lol)


Joy

 
Às 05 janeiro, 2008 17:50 , Anonymous Lucia disse...

ahahhahahaha é bem é bem
ja tinha saudades de vir aqui, tenho estado sem net e ainda nos algarves..

beijo e bom ano novo:)

 
Às 06 janeiro, 2008 00:29 , Blogger NINHO DE CUCO disse...

Ainda bem que o homem se esqueceu dos fósforos. Um pente daqueles era melhor nem aparecer. E, entretanto, a mulher foi dando uma perninha aqui e ali.
E esta hein?
Abraço Bluegift e Peter

 
Às 06 janeiro, 2008 15:19 , Blogger Miss Vader disse...

Gostei de ler.
Um abraço a todos, especialmente ao Peter e à Bluegift.
Nada mau terem escolhido o Miles Davis. O meu pai tem este disco.

 
Às 06 janeiro, 2008 15:31 , Blogger Paula Raposo disse...

Às vezes a solução é mesmo essa. Desaparecer por uns anos...é que existem mulheres mesmo muito chatas!!

 
Às 06 janeiro, 2008 17:10 , Blogger Paulo Sempre disse...

Dez anos a olhar a "planície enorme" na esperança de vislumbrar a silhueta do marido. Upssssssss uma eternidade bem menos dolorosa do que viver com ele em camas separadas...
Afinal nem sempre a "chama dos fósforos" aquece o "rastilho libidiano".
Paulo

 
Às 07 janeiro, 2008 11:21 , Blogger Amita disse...

Loooooool

 
Às 07 janeiro, 2008 12:04 , Blogger Olhos de mel disse...

Nossa! E ainda queria ser recebido com festa? rsrsrsrs
Beijos

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial