segunda-feira, outubro 22

M33 X - 7


Concepção artística do M33 X-7, um sistema binário nas vizinhanças da galáxia M33. Neste sistema, uma estrela cerca de 70 vezes mais massiva que o Sol orbita em torno de um “buraco negro” o qual por sua vez tem quase 16 vezes a massa do Sol, um recorde para “buracos negros” criados a partir do colapso de estrelas gigantes. Claro que nos centros das galáxias existem objectos destes muito mais massivos, mas este é um recorde para “buracos negros” formados a partir de colapsos estelares, os designados "stellar mass black holes”.

Na ilustração, um disco alaranjado rodeia o “buraco negro”. Trata-se de material empurrado por um vento estelar a partir da estrela que o orbita (grande e brilhante objecto azul) e que é sugado por aquele devido à sua poderosa força da gravidade. A própria estrela é distorcida por essa gravidade, esticando-se ligeiramente na sua direcção e, por isso mesmo, tornando-se menos densa nessa região e portanto mais escura.
Os dados foram obtidos a partir do “NASA's Chandra X-ray Observatory” (quadrado menor) e do “Hubble Space Telescope”. Os objectos brilhantes que se vêem na imagem são estrelas jovens e massivas.

Image credit: ration: NASA/CXC/M.Weiss; X-ray: NASA/CXC/CfA/P.Plucinsky et al.; Optical: NASA/STScI/SDSU/J.Orosz et al.)

Etiquetas:

10 Comentários:

Às 22 outubro, 2007 02:50 , Blogger Olhos de mel disse...

Oie Peter! Que lindas imagens! E a informação merece meu agradecimento!
Que sua semana seja feliz!
Beijos

 
Às 22 outubro, 2007 08:44 , Blogger Tiago R Cardoso disse...

Muito bom post, informativo.

 
Às 22 outubro, 2007 10:11 , Blogger Papoila disse...

Olá Peter,
Bom Dia!
Começar a semana com estas belas imagens que aqui apresentas a ler estas curiosas infirmações da vida da estrelas é um prazer.
Beijos

 
Às 22 outubro, 2007 13:51 , Anonymous lucia disse...

venho dar um jinho, no meu log, ta a explicaçao pk n tenho vindo comentar
**
lucia

 
Às 22 outubro, 2007 13:56 , Blogger augustoM disse...

Mais uma lição sobre as estrelas ou sobre aquilo em que elas se transformam. Gostava que desses um esclarecimento. Os buracos negros são sempre provenientes de estrelas que colapsaram? Estou a pensar uma coisa, daquelas que tu sabes que eu magico.
Um abraço. Augusto

 
Às 22 outubro, 2007 14:20 , Blogger António disse...

Olá, Peter!
De facto não entendo bem esta linguagem tão técnica.
Mas estas e outra imagens que tens apresentado impressionam, sobretudo por serem do misterioso Universo.

Abraço

 
Às 22 outubro, 2007 18:31 , Blogger herético disse...

grato pela tua presença. e pela tua discordância "pendular"...

apesar dos meus "buracos negros" serem bem mais terrenos, interessam-me os temas de astrofísica.

gostei de ler. abraços

 
Às 22 outubro, 2007 18:53 , Blogger Peter disse...

Augusto

A resposta é NÃO. Escrevo-o no texto:

"Claro que nos centros das galáxias existem objectos destes muito mais massivos, mas este é um recorde (em tamanho) para “buracos negros” formados a partir de colapsos estelares, os designados "stellar mass black holes”.

Coisas que eu sei? Augusto, eu não sei nada, sou um curioso. Simplesmente entendi que a notícia publicada em vários jornais sobre este assunto era incompleta e inexacta, daí eu ter procurado publicar algo, em meu entender, mais esclarecedor.

Abraço

 
Às 22 outubro, 2007 19:59 , Blogger Peter disse...

António

Julgo que a linguagem não será, como dizes:"tão técnica".
Seria pretensiosismo da minha parte.

Abraço

 
Às 22 outubro, 2007 21:29 , Blogger Meg disse...

Hoje passei, mas desandei... que deste assunto, estou na mais absoluta ignorância.
Um abraço

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial