quarta-feira, setembro 27

A avaliação dos alunos (novas tendências )

Eu hoje até nem era para postar pois não pretendo de modo algum monopolizar o espaço do blog que também pertence ao ANT e à Bluegift. Mas atendendo ao artigo anterior, achei oportuno publicar esta sátira. recebida há meses e que possivelmente muitos conhecem, mas outros não. Claro que é exagerada e leva ao ridículo, mas não foge muito à realidade dos nossos dias.

Quanto aos companheiros de blog também não vão ficar a perder, pois vou ter de me ausentar de Lisboa e poderão assim dar vazão à sua criatividade.

Eis o texto:

“As coisas têm de mudar, dizem as novas correntes da Educação. A avaliação de uma questão matemática, altamente complexa, proposta ao aluno indefeso, deverá passar a ser feita em Portugal nos tempos que correm, do seguinte modo:

QUESTÃO PROPOSTA

6 + 7 = ?

A . EXERCÍCIO FEITO PELO ALUNO:

6 + 7 = 18

B . ANÁLISE:

A grafia do número seis está absolutamente correcta;
o mesmo se pode concluir quanto ao número sete ;
o sinal operacional + indica-nos, correctamente, que se trata de uma adição;
quanto ao resultado, verifica-se que o primeiro algarismo (1) está correctamente escrito - corresponde ao primeiro algarismo da soma pedida. O segundo algarismo pode muito bem ser entendido como um três escrito simetricamente - repare-se na simetria, considerando-se um eixo vertical! Assim, o aluno enriqueceu o exercício recorrendo a outros conhecimentos... a sua intenção era, portanto, boa.

C . AVALIAÇÃO:

Do conjunto de considerações tecidas nesta análise, podemos concluir que: a atitude do aluno foi positiva: ele tentou!
Os procedimentos estão correctamente encadeados: os elementos estão dispostos pela ordem precisa.
Nos conceitos, só se enganou (?) num dos seis elementos que formam o exercício, o que é perfeitamente negligenciável.
Na verdade, o aluno acrescentou uma mais-valia ao exercício ao trazer para a proposta de resolução outros conceitos estudados - as simetrias... - realçando as conexões matemáticas que sempre coexistem em qualquer exercício...

Em consequência, podemos atribuir-lhe um...

..."EXCELENTE"...

...e afirmar que o aluno...

... "PROGRIDE ADEQUADAMENTE" (!!!)

(recebido por E-mail)

8 Comentários:

Às 27 setembro, 2006 22:31 , Blogger Papoila disse...

Peter looooool... não consigo parar de rir e este parágrafo é divino:
"Na verdade, o aluno acrescentou uma mais-valia ao exercício ao trazer para a proposta de resolução outros conceitos estudados - as simetrias... - realçando as conexões matemáticas que sempre coexistem em qualquer exercício..."
Beijo

 
Às 27 setembro, 2006 23:07 , Blogger Peter disse...

"papoila", já não me lembro quem me enviou, mas acho esta "apreciação" notável e adequada ao tema abordado no artigo "o professor".

 
Às 27 setembro, 2006 23:29 , Blogger Ant disse...

hehehe
já conhecia esta que de facto é muito boa.
Abraço.
Vais outra vez? Ó caraças...

 
Às 28 setembro, 2006 00:00 , Blogger Peter disse...

Ant, não há problemas. Tenho mesmo de sair, mas não me demoro. Vou tentar enviar algo.
Se me saisse o Euromilhões comprava um PC portátil.

 
Às 28 setembro, 2006 11:04 , Blogger Paula Raposo disse...

Não conhecia. Ora bem, pois, simetria...Nem mais...

 
Às 30 setembro, 2006 00:13 , Anonymous Wings disse...

Ora bem, estou um pouco bloqueado, mas sei que é verdade tudo isto, e mais, se o professor tiver o azar de ter de dar mais de 50% de negativas a uma turma, ele não progride na carreira, por isso eles vão aproveitar todas as letrinhas para poderem justificar um positivinha.
Ainda dizem que o nosso ensino está desajustado à realidade, não acredito, é que, aqui quem são os profs, são os alunos não concordam.
Um abraço.

 
Às 03 outubro, 2006 09:52 , Anonymous js disse...

...efectivamente o nosso ensino tende ...cada vez mais para o artístico e menos para o cientifico...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt

 
Às 06 outubro, 2006 15:53 , Blogger Heloisa B.P disse...

ESTOU "MORTA DE RISO"!!!

Realmente, com tais "avaliadores" como serao os "AVALIADOS"!????
.........................
Obrigada Peter, por esta dose de boa disposicao!

Abraco!

Heloisa.
*********

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial