quarta-feira, novembro 9

Ensino


É de louvar o espírito inventivo dos nossos jóvens. Aí está uma boa definição de "destilação".
Todos os anos é o mesmo folclore:
- Escolas fechadas a cadeado (estou a ver que tenho de montar um negócio de venda de correntes e cadeados).
- Protestos contra as propinas.
- Queixas contra os "malandros" dos profs, que não querem ficar mais tempo nas Escolas, para lhes tomarem conta dos filhos. Que não ensinam nada, para que os pais lhes tenham de pagar explicações.

Entretanto "professor sofre" ... e as "criancinhas", estudar não é com elas.

5 Comentários:

Às 10 novembro, 2005 16:46 , Blogger Ana disse...

e conta ainda com as escolas fechadas pelos próprios pais por surtos alarmistas de doenças, ou por falta de funcionários. com tudo isto a culpa nunca será das criancinhas mas de todo o sistema do qual são vítimas e os maus resultados nunca serão por falta de estudo, dizem.

ana

 
Às 10 novembro, 2005 17:35 , Blogger Peter disse...

Ana, sei do que falo, pois tenho familiares no ensino.
Vamos analisar:
- escolas fechadas pelos pais é uma atitude ilegal em qq país do mundo, menos aqui;
- encarregados de educação (qual?) a entrarem pela aula a dentro para agredirem professores, são factos. Os professores, sem apoio, a maior parte das vezes nem se queixam. Não vale a pena.

- essa do "sistema" faz-me lembrar o futebol, em que os maus resultados, são atribuidos ao "sistema" (árbitros e treinadores) e não aos jogadores.

Vamos ver o texto que se lê mal:
P - Explique resumidamente, o processo de destilação simples.
R - Faça uma linha no chão. Atravesse-a e você estará daquele lado, atravesse de novo e você estará destilado. Viu como é simples!

Comentário do professor/a:
"É assim que você encara as aulas de ciências?? Como forma de construir piadas??
Você está confundindo as coisas, já está na hora de levar a escola a sério!!"

Um desgraçado de um professor, deslocado a centenas de kms de casa, gastando no seu alojamento e alimentação no sítio para onde foi desterrado, quase metade do seu ordenado, ou mais, e na gasolina e em portagens, outro tanto, tem paciência para aturar ISTO?

É isto o "sistema", a que têm de se sujeitar para sobreviver?

Andamos a gastar dinheiro a ensinar esta gente?

 
Às 10 novembro, 2005 20:55 , Blogger Ana disse...

peter não sei se reparaste mas eu escrevi aquele comentário em tom de ironia, já que a minha opinião vai de encontro à tua, e temos algo em comum já que o ex-meu marido é professor e acompanhei de perto a irreverência das criancinhas e a culpa que era colocada nos professores e nos mau sistema educacional. sendo verdade que o sistema de ensino está mau, a culpa de muitas acções é dos paizinhos que não dão a educação devida aos filhos e colocam a culpa em quem menos a tem que são as escolas e os professores. e é isto quando são criancinhas, porque depois crescem e é vê-los metidos na droga e a roubar para comprar o produto e até mesmo nisso os pais são capazes de colocar a culpa nos professores e no sistema.

ana

 
Às 10 novembro, 2005 21:16 , Anonymous Anónimo disse...

já que se fala de educação... eu corrijo o português. "de encontro" significa q "choca", ou seja, que se opõe. se pretende dizer q as ideias se complementam a expressão correcta é "ao encontro de"

 
Às 10 novembro, 2005 23:09 , Blogger mfc disse...

Abstraindo da xico espertice do puto, até está com muita piada!
Só que no sítio impróprio.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial