sexta-feira, abril 23

Sabe circular nas rotundas?

A circulação em rotundas é uma das situações mais controversas de interpretar em relação à letra da lei. As dúvidas levantam-se sempre que existe mais que uma faixa de circulação no seu interior.

“O trânsito de veículos deve fazer-se pelo lado direito da faixa de rodagem e o mais próximo possível das bermas ou passeios conservando destes uma distância que permita evitar acidentes” (nº1 do artº 13º do CE).

A utilização das faixas interiores como apenas de ultrapassagem, compromete a segurança do tráfego, uma vez que prevê um princípio que se desenrola ao arrepio das normas de circulação em rotunda, praticadas por toda a Europa e EUA.
Vai ser lindo no Algarve, com todos aqueles ingleses a circularem em carros alugados!
Aqui em Lisboa o condutor que suba a Av Liberdade, à entrada da Praça MPombal está praticamente impossibilitado de demandar a primeira saída (Av Duque de Loulé) sem cometer uma ilegalidade ou estar sujeito a acidente, já que para o fazer terá que cruzar a faixa de saída Bus, pelo que terá de circular novamente a praça, numa volta de 360º, até lhe ser possível tomar a via da direita para seguir para a referida avenida.

Brilhante!

Mais do mesmo: os condutores de veículos a motor que pretendam entrar numa rotunda passam a ter de ceder a passagem aos condutores de velocípedes, de veículos de tracção animal e de animais que nela circulem. (art.ºs 31º e 32º).

Com legisladores destes, vamos longe…

ATENÇÃO:

A nova legislação já está em vigor!

2 Comentários:

Às 24 abril, 2010 20:57 , Blogger SILÊNCIO CULPADO disse...

Peter

As rotundas movimentadas dão conta da "marmita" de qualquer um.
A sorte é que não estamos no Cairo porque essa de darmos prioridade aos veículos de tracção animal...

Abraço apertado

 
Às 24 abril, 2010 23:17 , Blogger Peter disse...

Mas qualquer autarca na província tem a sua rotundazinha...

Aqui em Lisboa eu já deixei de fazer o meu habitual caminho, de tantos anos, pela Rotunda do aeroporto.

Bom fds.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial