segunda-feira, abril 6

PÁSCOA FELIZ

Para os cristãos o dia da Páscoa é o primeiro domingo depois da Lua Cheia que ocorre no dia ou depois de 21 de Março. Entretanto, a data da Lua Cheia não é a real, mas ocorre após ou no equinócio da Primavera boreal, adoptado como sendo 21 de Março (Concílio de Nicéia 325 d.C.).

Tempo de festa para cristãos e não cristãos, é tempo de reunião da família, do que ainda existe dela.



Como o ovo pascal, o coelho também aparece associado à fertilidade e à vida nova. Ostara - a deusa da Primavera, adorada pelos povos anteriores ao cristianismo - segura nas mãos precisamente um ovo e observa um coelho, a pular feliz juntos aos seus pés. Para outros povos, o coelho, além da fertilidade, também simboliza a lua, que determina o dia da Páscoa.
E assim temos o tímido coelho a iludir a deusa da Primavera e, depois de longa, muito longa caminhada, a entrar com doçura na Páscoa dos cristãos - tempo de passagem, de um recomeço de nova vida em crescimento.

Segundo uma tradição muito antiga, o coelhinho visitava as crianças, escondendo os ovos coloridos que elas teriam de encontrar na manhã de Páscoa.
Outra lenda conta que uma mulher humilde pintou alguns ovos de galinha e escondeu-os num ninho para, no dia da Festa Pascal, dar como presente aos seus filhos. Quando as crianças descobriram o esconderijo dos ovos, um enorme coelho passou a correr junto do local. A partir desse dia, espalhou-se, por toda a parte, a história de que foi o coelho que trouxe os ovos de Páscoa.

Desejamos a todos os que nos têm vindo a acompanhar com as suas visitas e os seus comentários, uma PÁSCOA FELIZ.

9 Comentários:

Às 06 abril, 2009 11:32 , Anonymous kika disse...

É uma doce tradição, amêndoas e chocolate, um folar de Chaves (recomendo). A verdadeira simbologia é que anda um pouco afastada, mas são os sinais dos tempos.Uma boa Páscoa para ti tambem

 
Às 06 abril, 2009 13:05 , Blogger heretico disse...

a Igreja católica ao longo dos séculos sempre foi hábil, adoptando (ainda com "p" rss)os mitos e ritos anteriores...

... e nos dias de hoje "adaptando-se". enfim, "aggiornamento oblige"...

abraços

votos de Boa Páscoa.

 
Às 06 abril, 2009 14:19 , Blogger Usuale disse...

Parabéns pelo seu blog! Ele está lindo!

Bom dia!
Para quem quer dicas do que dar de presente de páscoa, aí vai uma dica um na web: http://usuale.blogspot.com/

 
Às 06 abril, 2009 15:48 , Blogger Blondewithaphd disse...

E Páscoa Feliz para todos aqui neste cantinho.
Sabes Peter, por muito que me expliquem as contas para achar o dia de Páscoa, fico sempre muito confusa:)

 
Às 06 abril, 2009 18:14 , Blogger antonio - o implume disse...

Os coelhinhos sempre me foram simpáticos! Boa Páscoa t.b.

 
Às 08 abril, 2009 13:28 , Anonymous Anónimo disse...

Na minha infância, no Agreste de Pernambuco, vivenciei uma páscoa sem coelhos ou ovos de chocolate, não faziam parte da tradição, mas a Semana Santa fazia parte do ciclo de festas pernambucanas, inclusive por uma culinária própria, com pratos de época, não confeccionados no restante do ano.
Manoel Carlos

 
Às 08 abril, 2009 22:51 , Blogger escarlate.due disse...

boa páscoa também para ti

 
Às 09 abril, 2009 02:54 , Blogger Maria Faia disse...

Hoje venho desejar-te uma Páscoa Feliz, com muita Luz e muito Amor que irradiem por todos os dias da tua vida.

Um abraço Amigo,
Maria Faia

 
Às 09 abril, 2009 09:46 , Blogger Peter disse...

Manoel Carlos

No Alentejo, de onde sou natural, era costume fechar o comércio na 2ªF a seguir ao Domingo de Páscoa e as pessoas irem para o campo comer o tradicional borrego.

Domingo de Páscoa as crianças davam um raminho de alecrim aos familiares e conhecidos, dizendo:
"Aqui tem este raminho, verde é, verde cheira, para me dar as amendoas na 5ªF (hoje)"

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial