segunda-feira, novembro 14

Pensionistas contratam empresas de contabilidade

Os recentes aumentos propostos para os pensionistas levam estes a procurarem empresas de contabilidade para conseguirem lidar com tanto dinheiro.

Após o anúncio do aumento das pensões por parte de Sócrates e do seu governo, o porta-voz dos felizes contemplados afirmou, “tratar-se de uma questão de justiça”.

Sócrates sublinha por seu turno “o enorme esforço do estado para conseguir oferecer esta prenda de Natal antecipada. Vejam as caras felizes de todos eles”, concluiu.

As empresas de contabilidade e empresas de assessoria não têm mãos a medir. Segundo um alto representante do sector, “esta é uma medida porque pugnamos há muito. Mais dinheiro, mais justiça”, afirmou.

Na verdade, este acto de generosidade inesperado por parte do governo apanhou toda a gente desprevenida. Teme-se uma corrida à habitação, aos stands de automóveis e outros bens de consumo.
Representantes destes sectores apelaram já à boa vontade dos empresários “para que façam um esforço acrescido com a finalidade de não deixar faltar nada a estes bafejados pela sorte”.

O InApto quis saber de viva voz o que pensam na verdade estes felizardos.
Interpelámos o senhor Manuel Silva, aposentado da função pública, agora com a choruda reforma de 257,25 euros e jogador de cartas profissional no parque da cidade: “Estou feliz. Assim posso deixar de apostar o que tenho e o que não tenho. Agora sou um homem rico graças à generosidade do senhor primeiro-ministro”, disse com ar visivelmente feliz.

Prevêem-se manifestações de regozijo um pouco por todo o país.
Sabe-se mesmo que o grupo Inglês “Pink Floyd” foi contratado para dar um concerto no Pavilhão multiusos para celebrar tão substancial aumento.

“O dia de hoje ficará para sempre assinalado na história. Ponderamos mesmo apanhar todos juntos uma bebedeira monumental”, afirmou ainda Manuel Silva.

8 Comentários:

Às 14 novembro, 2005 19:27 , Blogger Peter disse...

Acho que os aumentos deviam ter um determinado valor, igual para todos e não serem expressos em percentagem sobre o já auferido.
Quem recebesse já um determinado valor pré-estabelecido, não teria direito a qualquer aumento.

 
Às 14 novembro, 2005 19:35 , Blogger Ana disse...

Parabéns, Sr. Manuel Silva e todos os outros felizardos. É, sem dúvida, o começo de uma nova era de prosperidade.

 
Às 14 novembro, 2005 19:46 , Blogger lazuli disse...

Concordo contigo, Peter. Este artigo do Letrasaoacaso está um espanto, com humor se fala de coisas sérias.
Foi uma boa surpresa ao final da tarde.
*

 
Às 14 novembro, 2005 21:52 , Blogger mfc disse...

Que tal passar a feriado nacional para assinalar condignamente tal acto?!

 
Às 14 novembro, 2005 22:27 , Anonymous Maria Taveira disse...

Mais um excelente texto de humor inteligente e acutilante.

 
Às 14 novembro, 2005 22:37 , Blogger António disse...

Este texto fez-me lembrar os que escrevias no InApto.
Humor corrosivo, sarcástico.
Magnífico, António!

Obrigado pela visita ao meu navio...eh eh

Abraço

 
Às 15 novembro, 2005 00:19 , Anonymous ana luar disse...

Ora aqui está o que eu venho dizendo à maioria dos meus amigos...se todos os artigos sobre politica fossem escritos na bbase de um humor inteligente, eu não seria tão ignorante em assuntos politicos. rsrsrsrsrsrs

 
Às 15 novembro, 2005 01:00 , Blogger Betty Branco Martins disse...



Realmente senti uma certa agitação nas pessoas, agora já sei porquê.

Mistério desvendado, o aumento das pensões! E fiquei a saber outra novidade no jornal da noite. O Presidente da Republica comunicou que o ensino superior está: desajustado/desencontrado/descontrolado enfim um caos! Isto é mesmo uma novidade para nós, não é?

Com o teu humor acertas mesmo na ferida. Lamento é que não doa a quem deveria doer.

Um beijo

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial