terça-feira, outubro 31

Para os mais pequenos


em especial, mas para os maiores também, uma vez que amanhã é feriado e podem ficar na cama até mais tarde ...

4 Comentários:

Às 31 outubro, 2006 23:39 , Blogger António disse...

Caro Peter!
Ou ficaria melhor:
Dear Peter!
(eh eh)
Tens postado a um ritmo alucinante.
Muitas das coisas que recebes por e-mail também eu recebo...acho que toda a gente que está mais ou menos viciada nisto, recebe...eh eh.
Nem me lembrava que esta é a noite das bruxas. Não tem tradição em Portugal.
Obrigado pela visita.

Um abraço

 
Às 01 novembro, 2006 00:25 , Blogger Papoila disse...

Happy Halloween! Bom Ano Novo Celta! Beijo

 
Às 01 novembro, 2006 00:41 , Blogger Peter disse...

Eu sei António, mas olha que há muita gente que não recebe, ou recebe uns e não recebe outros e sempre descontrai.

Quem anda por Inglaterra é o meu "sócio", o ANT, também António de sua graça.

Bom feriado

 
Às 01 novembro, 2006 16:23 , Blogger Peter disse...

"Papoila"

Halloween
“Jack e a abóbora"

"O uso da abóbora iluminada, chamada "Jack o' Lantern" (Jack da Lanterna), no dia do Halloween surgiu com os irlandeses, que são um povo religioso, mas muito supersticioso. Diz a lenda que, depois da sua morte, um homem chamado Jack foi proibido de entrar no Paraíso porque em vida era muito avarento.
Mas as portas do Inferno também lhe foram fechadas porque ele enganou o Diabo! Sem ter para onde ir, foi condenado a andar na escuridão.
Por isso implorou ao demónio que acendesse umas brasas para iluminar o seu caminho e, dessa forma, foi-lhe entregue um pedaço de carvão incandescente. Para ver o caminho, Jack colocou o carvão dentro de um buraco de nabo. De início, usava-se o nabo, mas quando os irlandeses chegaram aos Estados Unidos, encontraram pouquíssimos nabos no campo, mas como havia abóboras em abundância, fizeram a substituição. Quando esta tradição chegou aos Estados Unidos e ao Canadá (com os irlandeses, claro) foi logo acrescentada aos festejos do Halloween / Dia de Todos os Santos / Dia de Finados! “

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial