sábado, novembro 8

ADM (Assistência na Doença aos Militares das Forças Armadas)

O anterior min da Saúde, Dr Correia de Campos, publicou um livro no qual pretende justificar a sua demissão pela pressão de poderosos lóbis. Não sei o nome do livro, nem isso me interessa porque não faço tenção do ler. Também não sei a que lóbis o visado se refere e também não quero saber, até porque ele já não é ministro.

O que sei, porque a TV o mostrava todos os dias, foi que o povo vinha para a rua protestar, tal como o fizera em 1975, exigindo a manutenção de Centros de Saúde, fechados de uma penada e sem que as populações desamparadas tivessem garantia de uma competente, eficiente e atempada consulta, ou tratamento.
Seria da mais elementar lógica que cada Centro de Saúde só fosse fechado depois dessa garantia estar assegurada. Mas não o foi, ou parece não o ter sido, e daí as manifestações de protesto.

Na freguesia onde moro há agora um Centro de saúde com atendimento impecável e gratuito, o que me levou, sendo militar, a abandonar o Posto de Saúde dos SSFA onde até o passar duma simples receita para um medicamento se paga pelo preço duma consulta médica, e a optar pelo Centro de Saúde civil.

São estas as “benesses” usufruídas pelas FA , a que o Prof Vital Moreira se refere, pelos vistos incorrectamente:

“Além disso, os militares gozam de um subsistema de saúde idêntico à ADSE” (“Manobras militares”).

Pelos vistos não é “idêntico”…

E até o Dr José Miguel Júdice vem “molhar a sopa”, vejam lá!

A ideia do ilustre causídico é genial:
“o Exército e a força Aérea seriam dispensáveis, mantendo-se apenas uma guarda costeira, uma força de intervenção rápida, forças militarizadas e de segurança e meia dúzia de oficiais generais.”(“Um golpe de Estado dos pequenitos”)
Porquê meia dúzia? À dúzia é mais barato!

Brilhante! Verdadeiramente brilhante! Também de uma penada manda “as malvas” a NATO e a EU!

Permito-me sugerir a sua nomeação para ministro da Defesa quando o lugar vagar.

3 Comentários:

Às 08 novembro, 2008 19:38 , Blogger Peter disse...

Continuarei, como sempre o fiz, a lutar pela defesa dos meus interesses.
Podem-me chamar tudo: fascista. militarista ...
É-me indiferente.
A certeza de que o não sou, leva-me a seguir em frente. Não será um Vital Moreira, ou um Júdice, que me farão calar.

 
Às 08 novembro, 2008 20:51 , Blogger lusitano disse...

Peter

O Vital Moreira só tem uma visão e fala do que não sabe, enquanto ooutro, o "ilustre advogado" que se entregou às delicias "Socretinas", agora opina em tudo pois deve estar à espera de ser nomeado "porta voz" do governo. Ele sabe lá do que fala!!

Abraço

 
Às 09 novembro, 2008 23:37 , Blogger Meg disse...

Peter,
Afinal és militar...e eu para aqui às vezes a "dar-te novidades"!
E qual é a diferença entre a ADM e a ADMFA? Foi neste sistema que levamos uma "pancada" valente há 3 anos.
Olha, do Vital Moreira, "deixá-lo andá-lo que ele calará-se-há",dizia uma minha prof. de História quando dizíamos calinadas.

E o Júdice, o que faz melhor é dedicar-de à sua actividade hoteleira, sabias?

Um abraço

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial