sábado, julho 26



ESPLANADA

Naquele tempo falavas muito de perfeição,
da prosa dos versos irregulares
onde cantam os sentimentos irregulares.
Envelhecemos todos, tu, eu e a discussão,

agora lês saramagos & coisas assim
e eu já não fico a ouvir-te como antigamente
olhando as tuas pernas que subiam lentamente
até um sítio escuro dentro de mim.

O café agora é um banco, tu professora do liceu;
Bob Dylan encheu-se de dinheiro, o Che morreu.
Agora as tuas pernas são coisas úteis, andantes,
e não caminhos por andar como dantes.

manuel antónio pina

:)

Etiquetas: ,

6 Comentários:

Às 27 julho, 2008 07:45 , Anonymous Olhos de Mel disse...

Bela poesia! Mas a vida é assim; tudo passa, tudo tem seu tempo...
Bom domingo! Beijos

 
Às 27 julho, 2008 09:48 , Blogger vbm disse...

:))

 
Às 27 julho, 2008 09:51 , Blogger Peter disse...

Um poema muito interessante, que apreciei bastante. Desconheço o seu autor.
A minha ausência deve-se a uma recuperação mais lenta e que me tira a inspiração. O que vale é que os outros companheiros vão mantendo o blog vivo.

Abraço,
Peter

 
Às 27 julho, 2008 11:20 , Blogger vbm disse...

abraço, peter.

estimo as melhoras.
claro, conversar-se-á
s e m p r e .

 
Às 27 julho, 2008 15:23 , Blogger RESSACA disse...

Quem conhece a sua ignorância revela a mais profunda sapiência. Quem ignora a sua ignorância vive na mais profunda ilusão.

 
Às 01 agosto, 2008 14:16 , Blogger Rosa Brava disse...

Manuel António Pina... um dos meus poetas de eleição.

"Sou o pássaro que canta
dentro da tua cabeça
que canta na tua garganta
canta onde lhe apeteça

Sou o pássaro que voa
dentro do teu coração
e do de qualquer pessoa
mesmo as que julgas que não

Sou o pássaro da imaginação
que voa até na prisão
e canta por tudo e por nada
mesmo com a boca fechada

E esta é a canção sem razão
que não serve para mais nada
senão para ser cantada
quando os amigos se vão

E ficas de novo sozinho
na solidão que começa
apenas com o passarinho
dentro da tua cabeça."

(Poema de Manuel António Pina
in "Carta a um jovem antes de ser Poeta")

As melhoras Peter, espero que esteja tudo a correr bem...

Um abraço carinhoso ;))

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial