domingo, junho 4

Se te roubarem o telemóvel

Não devemos facilitar. Como sabemos este aparelho é um objecto
apetecível ao olhar alheio. Com este pequeno truque podemos não evitar
que nos roubem o telemóvel, mas evitamos que quem o roubou o utilize.
Simplesmente façam o seguinte:

No telemóvel marquem *#06#

Os 15 dígitos apresentados correspondem ao IMEI, um número de série
único de cada aparelho. Escrevam esse código num lugar de que depois se lembrem
quando precisarem dele. Caso tenham a infelicidade de serem
vítimas de roubo do telemóvel, peguem nesse código e liguem para o
vosso operador de serviço móvel, mandando bloqueá-lo.
Quando alguém tentar meter um outro cartão SIM no aparelho e o ligar,
vai ficar surpreendido, pois o mesmo não conseguirá funcionar.

7 Comentários:

Às 04 junho, 2006 19:28 , Blogger Heloisa B.P disse...

Deixo meu ABRACO!
Vi Sua resposta, ali nuns "POSTS" atras:OBRIGADA!
Estou um pouco melhor, mas, ainda nao ando, normalmente!
RESTO DE EXCELENTE DOMINGO!
BOA SEMANA!
Heloisa.
********

 
Às 04 junho, 2006 21:54 , Blogger {-Sutra-} disse...

Nem é preciso tanto, o IMEI encontra-se localizado quando se abre a tampa onde está a bateria.
Basta abrir e copiar o número. Isto é básico. :-)

Peter, fiquei contente ao ler a tua frase e saber que finalmente já começaste a largar mais a internet e a viver a vida real. Já não era sem tempo, porque o melhor da vida está lá fora e não aqui dentro. Digo eu que sou ainda uma garota. ;-)

Beijos doces

 
Às 04 junho, 2006 22:16 , Blogger {-Sutra-} disse...

Acabei de te deixar uma resposta no teu texto sobre os Direitos de Autor, mais abaixo.
Não entendi o porquê da tua dúvida, ou problema, relativamente ao facto de as pessoas divulgarem as suas obras nos seus blogs. Mas não precisas de me responder aqui, vai lá ler e daqui a uns dias eu regresso para ler a resposta, se a tiveres.

Bj doce

 
Às 04 junho, 2006 22:58 , Blogger Peter disse...

"sutra"

Ponto 1 - É básico para ti, não para os "básicos" como eu.

Ponto 2 - É uma pena o dia só ter 24h e gastarmos parte delas a dormir. Costumo dizer: compro livros que não leio, CDs que não oiço e DVDs que não vejo. Por isso somos obrigados a fazer opções.

Ponto 3- Tudo o que lá dizes sobre "direitos de autor", para mim "ça m'est égal".
O que está em causa é as pessoas (certas pessoas) não entenderem, ou não aceitarem ( e aqui é que está a minha dúvida) que outros divulguem as suas obras (um pequeno excerto, um poema ...) nos seus blogs. Penso que tal atitude se traduz num benefício para o autor, e não num "roubo", na medida em que se está a contribuir para uma mais ampla divulgação da sua obra.

 
Às 05 junho, 2006 00:01 , Blogger {-Sutra-} disse...

Voltei para ler a resposta e eis que já cá está.

E afinal, acabas por dizer que a questão é outra.
O problema, Peter, é que muitas vezes não se coloca de imediato a autoria e, em alguns casos, coloca-se como mera informação no espaço para comentários, não editando o artigo e acrescentando o nome do autor, o que é de lamentar. Também já vi alguém dar a informação do nome de quem escreveu, ou nick, e ignorarem esse facto, limitando a dizer que desconheciam o facto e não dando a importância que deveriam. E, para isso não é preciso que as pessoas editem livros, para lhes ver reconhecido a autoria de um texto. Tu mesmo já o fizeste aqui uma vez e foste chamado à atenção para a autoria e não deste importância, mantendo o que quiseste.

Quanto ao que dizes que «está em causa» não foi dessa forma que exprimiste a tua ideia no texto. Se as palavras tinham algum subentendido apenas para alguns, ou eram alguma indirecta para a autora a que te referias, já me ultrapassa. Limitei-me a responder às perguntas.

E agora até outro dia, porque já são muitas visitas num só dia só a este blog (lol)

Beijo doce

 
Às 05 junho, 2006 00:09 , Blogger {-Sutra-} disse...

Voltei para ler a resposta e eis que já cá está.

E afinal, acabas por dizer que a questão é outra.
O problema, Peter, é que muitas vezes não se coloca de imediato a autoria e, em alguns casos, coloca-se como mera informação no espaço para comentários, não editando o artigo e acrescentando o nome do autor, o que é de lamentar. Também já vi alguém dar a informação do nome de quem escreveu, ou nick, e ignorarem esse facto, limitando a dizer que desconheciam o facto e não dando a importância que deveriam. E, para isso não é preciso que as pessoas editem livros, para lhes ver reconhecido a autoria de um texto. Tu mesmo já o fizeste aqui uma vez e foste chamado à atenção para a autoria e não deste importância, mantendo o que quiseste.

Quanto ao que dizes que «está em causa» não foi dessa forma que exprimiste a tua ideia no texto. Se as palavras tinham algum subentendido apenas para alguns, ou eram alguma indirecta para a autora a que te referias, já me ultrapassa. Limitei-me a responder às perguntas.

E agora até outro dia, porque já são muitas visitas num só dia só a este blog (lol)

Beijo doce

ps - mas fiquei sem entender porque te questionas se é legal o autor de um livro não colocar textos do livro no próprio blog, pois seria ridículo se não o fizesse. Não respondeste.

 
Às 05 junho, 2006 00:09 , Blogger {-Sutra-} disse...

isso deu erro (lol)
Não precisas responder aos dois, só ao segundo deles.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial