quarta-feira, abril 26

A “dança” cósmica de galáxias distantes

Uma equipa internacional de astrónomos ao estudar várias dezenas de galáxias distantes, descobriu que a proporção de “matéria negra” e de estrelas nas galáxias, é a mesma que era há 6 mil milhões de anos. Caso esta descoberta seja confirmada, parece existir uma ligação mais forte do que se suspeitava entre a “matéria negra” e a matéria normal. A equipa descobriu também que 40% dessas galáxias não estão em "equilíbrio", isto é, os seus movimentos internos são muito irregulares, o que pode ser resultante de colisões e fusões entre elas, importantes na sua formação e evolução.

Uma ilustração artística da colisão entre duas galáxias:



Estes resultados lançam uma nova luz sobre como as galáxias se formaram e evoluíram desde a altura em que o Universo tinha apenas metade da sua idade actual e sobre a importância que a “matéria negra” tem sobre elas.
A “matéria negra”, que compõe (julga-se) cerca de 25% do Universo, é matéria não-bariónica, isto é, não constituída por átomos, e a sua designação é apenas uma expressão que utilizamos para descrever algo que não vemos e não compreendemos.
Ao observarmos a rotação das galáxias sabemos que a “matéria negra” tem de estar presente, senão estas estruturas gigantescas seriam “dissolvidas".

Nas galáxias mais próximas, e na Via Láctea, os astrónomos descobriram que existe uma relação entre a quantidade de “matéria negra” e as estrelas e que, de um modo simplista, podemos traduzir assim:

- por cada quilograma de material de uma estrela, existe aproximadamente 30 quilogramas de matéria negra. O que, como vimos acima, é a mesma proporção que existiria há 6 mil milhões de anos.

Mas será que esta relação entre estes dois tipos de matéria era igual no passado anterior a esses 6.000 milhões de anos?

(adaptado do ASTRONOVAS – OAL)

21 Comentários:

Às 26 abril, 2006 01:20 , Blogger Tribunal_Beatas disse...

Boa pergunta... Mas como não sou entendida na matéria limito-me a ficar maravilhada com esta informação, como aliás fico sempre quando se trata de alguma coisa relacionada com o Universo :)
Bom resto de semana

 
Às 26 abril, 2006 01:31 , Blogger Peter disse...

Quanto mais sabemos, ou pretendemos saber, parece que menos sabemos.
Vivemos um tempo maravilhoso: foi nas nossas vidas que o homem pisou o chão de outros planetas.

 
Às 26 abril, 2006 02:11 , Blogger amita I disse...

É verdade, Peter, nada sabemos.Há sempre mais um mistério a descobrir e entre acertos e divergências o tempo passa e tudo se altera. É o papel da Ciência. Gostei, como sempre, de ler este artigo. Um bjo e uma flor

 
Às 26 abril, 2006 13:31 , Blogger augustoM disse...

Se como se pensa actualmente que o universo é composto de corpos celestes e matéria negra, e que a teoria do Big Bang esteja certa, então a proporção terá de ser sempre a mesmma.
Uma abraço. Augusto

 
Às 26 abril, 2006 14:16 , Blogger Papoila disse...

Bom Dia Peter. Uma informação que deixa uma apaixonada pelo Universo encantada, embora sem conhecer bem a matéria. Beijo

 
Às 26 abril, 2006 14:39 , Blogger Peter disse...

Meu caro Augusto, a teoria do Big Bang é isso mesmo; uma teoria.
Permitiu explicar determinados pontos, mas deixa muitas questões importantes por resolver. No entanto e presentemente é comummente aceite.

É um facto científico que o Universo ( que talvez não seja o mesmo que o UNIVERSO ) é composto por:

- cerca de 10% de matéria bariónica, visível e constituida por átomos;
- os outros 90% serão "matéria negra", de que só se sabe que actua sobre a força da gravidade (gravitrões?). É invisível, não se sabe o que é, mas não é de certeza constituida por átomos.

Confesso que não compreendo como podes chegar à conclusão:

"a proporção terá de ser sempre a mesma"

Até porque partes de premissas erradas.

Abraço

 
Às 27 abril, 2006 00:53 , Blogger lazuli disse...

Peter aprende-se tanto contigo sorrindo com a descoberta do espaço.
Tens uma maneira clara, objectiva e simples de abordar estes assuntos que escritos por especialistas geralmente são herméticos..
Percebe-se tudo, ou quase tudo. Nem sabia dos gravitões..

A propósito, sabes estrelar um ovo?

Beijos estrelados*

Fernanda G.

 
Às 27 abril, 2006 00:54 , Blogger BlueShell disse...

Peter...deixa-me só fazer um "aparte"...
tu tens uma predileção por esta "CENA" DO COSMOS, NÃO?
Já é não me surpreende chegar e ver um texto desta natureza! Gosto porque também são temas que me seduzem...
Beijinho terno para e ti...que mereces tudo de BOMMMMMMMMMMMMMMMM...

BShell

 
Às 27 abril, 2006 09:20 , Anonymous js disse...

...1tá explicado!...andei eu anos e anos para perceber como é que o nosso país era governado e a resposta está neste artigo!... afinal somos governados pela materia negra!...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt e http://mprcoiso.blogs.sapo.pt

 
Às 27 abril, 2006 11:31 , Blogger Peter disse...

"lazuli", do mesmo modo que a luz é constituida por "fotões", aventa-se a hipótese da força da gravidade ser constituida por "gravitrões".

Não, não sei estrelar um ovo. Uma vez tentei, esborracheio-o e depois tive que comer ovo mexido com casca e tudo.

Beijos "mexidos"*

 
Às 27 abril, 2006 11:35 , Blogger Peter disse...

BShell, tenho umas "cadeiras" e muitos livros lidos.
Última aquisição:

"O tecido do Cosmos - Espaço, Tempo e textura da realidade", de Brian Greene,890 páginas ...

 
Às 27 abril, 2006 11:36 , Blogger Peter disse...

"js", mas o nosso País é governado?

 
Às 27 abril, 2006 18:13 , Blogger Papoila disse...

Peter do meu blog lanço-te um desafio, uma corda de solidaridade que vais estender pelo teu Universo, estou certa. Beijo

 
Às 27 abril, 2006 22:12 , Blogger Lady disse...

Olá, já regressei de férias e vim dizer-vos.
Eu sei que não valia a pena fazê-lo, até porque eu nem sou das pessoas que tem o privilégio de ter o meu blogue nos vossos links, embora já tenha estado (vá-se lá saber porque é que foi retirado. Talvez porque teria passado em tempos pela cabeça do Peter que o meu blogue iria acabar? Mas não vai)
O meu humor veio em alta por isso esta piada.
Voltei feliz das férias, não só devido às férias mas ao rumo da minha vida pessoal.
Mas, cuidado, Peter, por favor, não confundas o que eu escrevi, não?

Beijinhos

 
Às 28 abril, 2006 00:37 , Blogger BlueShell disse...

Peter? Agora entendo....

Olha...hoje 'tou triste!

beijos azuis!
BShell

 
Às 28 abril, 2006 09:56 , Blogger bluegift disse...

papoila, lady e blueshell: o Peter anda com problemas no internet explorer ou no anti-virus, que bloqueiam o seu acesso ao conversas. Hoje talvez o problema fique resolvido e ele possa, finalmente, vos responder.

 
Às 28 abril, 2006 11:06 , Anonymous Anónimo disse...

E como o Peter costuma dizer: se calhar foi alguém que tentou entrar no computador dele ou no blog ou algo parecido.
eheheh
Cris

 
Às 28 abril, 2006 13:52 , Blogger Peter disse...

"Cris", não me admira nada. Parece que o "conversas", como dizem os alentejanos, faz "brotoeja" ...

 
Às 28 abril, 2006 13:59 , Blogger Peter disse...

Respondam à iniciativa de "A papoila", colaborando com a "Ajuda de Berço"!.

"O que é a Ajuda de Berço?
A Ajuda de Berço é uma instituição que acolhe e encaminha crianças entre os 0 e os 3 anos de idade que não podem viver com os pais ou familiares.
Nasceu na sequência das necessidades sentidas por um grupo de profissionais - médicos pediatras, sociólogos, enfermeiros, psicólogos, técnicos de serviço social e juristas - para dar resposta ao problema das crianças em risco, situação de abandono e vítimas de exclusão social.
A Ajuda de Berço promove, defende e dignifica a vida humana,
através do apoio a mulheres grávidas sem condições e aos filhos delas nascidos."

Para mais informação visite http://www.ajudadeberco.pt/.

 
Às 28 abril, 2006 14:06 , Blogger Peter disse...

"lady":
"nem sou das pessoas que tem o privilégio de ter o meu blogue nos vossos links"
Não és, mas vais passar a ser, para que o Paulo também venha ler o "conversas".

Bom fds para vocês dois.

 
Às 28 abril, 2006 21:47 , Anonymous Anónimo disse...

Não te admira nada, Peter?
Tens de ver menos novelas,pois acreditas em tudo o que te contam e imaginas coisas onde elas não existem.
Daqui a pouco ainda vais dizer que pela net conseguiram que avariassem a tua torradeira ou te roubaram a carne do frigorífico.
eheheh
Cris

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial