quarta-feira, janeiro 4

Capri - Entrada para a Grota Azzurra


Podem ver-se duas pessoas deitadas no fundo do barco branco (à esquerda do amarelo). É assim que se entra, pois a altura da abertura é baixa e decresce com a subida da maré, como é óbvio.
A corrente, por cima do remador verde; é esta corrente que o remador utiliza, abandonando os remos, para penetrarmos na gruta. Depois, lá dentro o remador volta a utilizar os remos. À saída, o procedimento é idêntico.
À direita vêm-se dois barcos maiores, utilizados para atingirmos a gruta.

(Foto de Peter)

P.S. - Lamento, mas há pormenores que indico que não se vêm numa foto deste tamanho ...

7 Comentários:

Às 04 janeiro, 2006 15:05 , Blogger lazuli disse...

Peter, fazes-me água na boca com essas fotos.
Quanto aos pormenores que não se conseguem ver, será que aquelas belas pernas que se vislumbram dentro dum dos barcos são as tuas?

*

 
Às 04 janeiro, 2006 15:41 , Blogger Peter disse...

Não "lazuli", as minhas pernas de facto não são más (peneiras ...), mas eu estava num dos barcos à direita, a tirar as fotos.

10^25 Bjs

P.S.- Se tiveres paciência, lê o comentário que eu escrevi para a "amita", no texto acima.

 
Às 04 janeiro, 2006 16:31 , Blogger yatashi disse...

Bonita foto, como já nos tens habituado:)
Pode ser que uma máquina fotográfica nova eu possa tirar mais fotos e com melhor qualidade:) Conto contigo para as comentares:)

Beso
lúcia

 
Às 05 janeiro, 2006 09:45 , Blogger Micas disse...

A foto está excelente Peter e sim, consigo ver todos os pormenores de que falas, com um pouco mais de atenção consegui ver a corrente de que falas. Deve ser fantástica uma visita a essa gruta.
Boa semana :)

 
Às 05 janeiro, 2006 09:58 , Blogger Pdivulg disse...

Bonito ! Só sorte!! Capri c´est fini!! Obrigado pelas explicações!

 
Às 05 janeiro, 2006 12:24 , Blogger Peter disse...

"micas", sim é . O espaço, o silêncio, o azul lazuli das águas ... Sentimo-nos fora deste mundo.

Bom resto de semana.

 
Às 05 janeiro, 2006 12:26 , Blogger Peter disse...

"pdivulg" não devo lá voltar, mas a beleza permanece na minha memória visual.
Tudo bem nas tuas actividades meritórias?

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial