sábado, dezembro 24

A ceia de Natal

Carl Larsson, "The Christmas Eve", watercolor.

13 Comentários:

Às 24 dezembro, 2005 01:18 , Blogger lazuli disse...

para além de fotografias lindas, agora puseste um quadro belissimo..
Que mais supresas nos estás a reservar..Peter?*

 
Às 24 dezembro, 2005 01:54 , Blogger Peter disse...

lazuli, gostei bastante e por isso o escolhi. É um dia que não se presta para colocar outro género de artigos.
Boa consoada para ti*

 
Às 24 dezembro, 2005 09:42 , Blogger bluegift disse...

Peter, já agora, em que zonas do país é que existe o costume de, entre o natal e os reis, fazer uma mesa de natal bem recheada, que serve para oferecer iguarias aos visitantes e aos pobres? A minha família tinha esse costume, mas não sei se era devido à costela portuguesa ou à britânica.

 
Às 24 dezembro, 2005 10:34 , Anonymous nokinhas disse...

Peter: Lindo quadro!

Bluegift: Perguntas bem...

 
Às 25 dezembro, 2005 11:08 , Blogger amita disse...

Olá Blue. Respondendo à tua pergunta, recordo-me dessa tradição em casa dos meus pais. Não pelo Natal, mas no dia de Páscoa quando o padre trazia a cruz e a água benta.Colchas nas janelas, passeios enfeitados com pétalas de flores até à porta de casa que se mantinha aberta, mesa recheada, vinho do Porto ou outras bebidas, tudo lindo e farto. Quem chegava era benvindo. Sou minhota, Blue, e era muito pequenina. Esta tradição ainda foi mantida durante uns anos aqui no Porto. Como muitas outras, foi-se perdendo com os tempos e com o individualismo das cidades. Continuação de Boas Festas para todos. Bjo

 
Às 25 dezembro, 2005 16:52 , Anonymous Maria Papoila disse...

Meus queridos quando era pequena e já lá vai muito tempo logo a seguir ao Natal se começava a cantar as "Janeiras" e para além de ser um modo de agradar às cachopas abria-se a porta para dar de beber vinho do Porto e comer uma rabanada ou aletria aos cantores... Tudo isto aqui no Porto! Depois em Aveiro já fazia parte da "troupe"..., a troco de unscobres que davam para um jantarinho... Beijo

 
Às 26 dezembro, 2005 00:46 , Blogger Peter disse...

amita, essa tradição pascal ainda hoje se mantem e chama-se "o compasso". É típica do Norte, das pequenas comunidades rurais.

 
Às 26 dezembro, 2005 00:49 , Blogger Peter disse...

maria papoila, até mesmo aqui em Lisboa, nestes bairros periféricos apareciam pessoas a cantar as Janeiras, tradição que se mantém no interior, nas pequenas comunidades.

 
Às 26 dezembro, 2005 00:50 , Blogger Peter disse...

nokinhas, gostei bastante desta aguarela, que encontrei no Google.

 
Às 26 dezembro, 2005 10:21 , Blogger bluegift disse...

Olá amita, agradeço a tua pista. O minho e outras zonas do norte de portugal têm influência celta e é natural que este tipo de costume tenha aí a sua origem. Na família do meu pai a mesa de natal durava até aos reis, e rico e pobre que aparecesse à porta era convidado a se servir. Quando era miúda participei várias vezes na preparação da famosa mesa de natal. Os tempos são outros. Continuação de Boas Festas também para ti e um beijo :)

 
Às 26 dezembro, 2005 10:22 , Blogger bluegift disse...

maria papoila, são tradições a manter :)

 
Às 26 dezembro, 2005 10:24 , Blogger bluegift disse...

Peter, creio que a bela aguarela que encontraste ilustra bem a tradição de que falo.

 
Às 29 dezembro, 2005 01:15 , Blogger Menina_marota disse...

Uma imagem soberba que me recorda a casa do meu Avô e os Natais lá passados.
Recordo ainda, quando vinha o grupi cantar as Janeiras, se franqueava a porta, para comerem e beberem liquidos quentes, pelo frio que fazia. E os homens serviam-se de bebidas.

Essa tradição na nossa casa perdeu-se, com o desaparecimento do meu Avô, mas recordo-a com saudade...

Um abraço e já agora feliz entrada em 2006 ;)

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial