domingo, dezembro 25

Natal divino

“Natal divino ao rés-do-chão humano,
sem um anjo a cantar a cada ouvido.
Encolhido
à lareira,
ao que pergunto
respondo
com as achas que vou pondo
na fogueira.

O mito apenas velado
como um cadáver
familiar ...
E neve, neve, a caiar
de triste melancolia
os caminhos onde um dia
vi os Magos galopar ...”

(Miguel Torga, S.Martinho de Anta, 24 de Dezembro de 1970)

9 Comentários:

Às 25 dezembro, 2005 11:15 , Blogger amita disse...

Passo para vos desejar um bom dia e para tentar responder à pergunta da Blue. Será que ajudei? Tudo de bom para vocês. Bjos

 
Às 25 dezembro, 2005 12:10 , Blogger Peter disse...

Olá "amita"! Espero que a Consoada tenha sido boa. Eu deitei-me às 04.30 AM.
Bom Dia de Natal, para ti e para os teus.

P:S. - É Maria estar deitada e não de joelhos a rezar, não é?

 
Às 25 dezembro, 2005 18:12 , Blogger Musician disse...

Belissimo poema, nao conhecia!
E a musica tambem esta encantadora!
Tudo de bom para ti.
Beijinho doce*

 
Às 25 dezembro, 2005 18:17 , Anonymous zezinho disse...

Tenho um especial carinho por Torga.
Bom Natal para ti e para os teus.

 
Às 25 dezembro, 2005 22:16 , Blogger BlueShell disse...

Lindo esse poema....

Um Feliz Natal pleno de bênçãos Divinas.

Beijo
BShell

 
Às 26 dezembro, 2005 00:22 , Blogger Peter disse...

"musician", obrigado pela tua visita e pela apreciação favorável que fazes do n/trabalho.
Estive no teu blog, porquê tanta tristeza?
Não dormes? Faz como eu: nem penso nisso. O raciocínio é: se não durmo hoje, durmo amanhã ...

 
Às 26 dezembro, 2005 00:30 , Blogger Peter disse...

zezinho, obrigado. Foi um Bom Natal.

 
Às 26 dezembro, 2005 00:32 , Blogger Peter disse...

BShell, espero que tb tenhas passado um Bom Natal.

 
Às 26 dezembro, 2005 10:33 , Blogger bluegift disse...

Um momento de rara beleza, embora triste.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial